Palavra Descrição
S&P500 (Standard & Poor's 500) Índice que consiste em 500 ações escolhidas por tamanho de mercado, liquidez e representação de grupo industrial. Ele é um índice ponderado de valor de mercado (preço da ação vezes número de ações em circulação) com o peso de cada ação no Índice proporcional a seu valor de mercado. É largamente utilizado no mercado norte-americano e internacional.
SEC - Securities and Exchange Commission A Securities and Exchange Commission é um órgão que regulamenta, controla e supervisiona o mercado americano, com o objetivo primário de proteger o investidor e manter a integridade do mercado de títulos e valores mobiliários dos EUA.
SELIC Sistema Especial de Liquidação e Custódia.
Série de Opções São opções do mesmo tipo, seja de compra ou de venda, que referem-se à mesma ação-objeto e possuem a mesma data de vencimento e preço de exercício.
Símbolo (ADRs) São três letras que definem o código pelo qual as ações de cada empresa são negociadas na NYSE (New York Stock Exchange). No caso do Itaú o símbolo é "ITU".
SISBACEN Sistema de Informações do Banco Central. É o instrumento de comunicação computadorizado do Banco Central com as instituições financeiras, no qual recebem informações do Bacen e enviam dados sobre suas operações financeiras e cambiais.
SND Sistema Nacional de Debêntures.
Sociedade Anônima Empresa que tem o capital dividido em ações.
SOMA Sociedade Operadora do Mercado de Acesso. É um mercado de balcão organizado, cujas operações são realizadas por terminais de computador. Os horários de negociação são os mesmos que os do pregão nacional.
SPLIT Veja desdobramento de ações.
Spread Diferença entre as taxas de captação e aplicação. Essa diferença pode variar em função da liquidez do tomador, volume dos empréstimos e o prazo da operação para resgate.
Strike Conhecido como preço de exercício, representando o preço de compra ou de venda de um determinado ativo, válido para a data de vencimento de uma opção.
Subscrição Quando uma empresa lança novas ações no mercado, para que possa obter os recursos necessários para o investimento.
Suporte É uma linha de preços históricos indicativa de uma potencial interrupção de uma tendência de baixa e/ou um potencial início de um movimento de alta dos preços de um ativo.
Swap Operação destinada à proteção contra o risco de variações de taxas de juros, moedas, commodities., relativamente a seus pagamentos e recebimentos, cuja efetivação esteja programada para ocorrer em momento futuro.
Swap reverso Através desta operação o Banco Central oferece contratos ao mercado trocando o risco cambial pelo risco do CDI, o que na prática é o mesmo que o Banco Central comprar dólares no mercado futuro. Esta operação pode ser caracterizada como uma tentativa de defender o nível da taxa de câmbio.